domingo, 17 de outubro de 2010

Roupa na Lata

Espanhol cria spray que vira tecido em 15 minutos


A ideia é permitir que cada pessoa faça sua própria roupa. A partir desse conceito, em vez de calças, camisas, camisetas, vestidos pendurados em cabides, haveria dentro do armário apenas latinhas.

Roupa em spray - a novidade está mexendo com o mundo fashion. Dentro de uma latinha tem um guarda-roupa inteiro. Vestidos, blusas, roupas íntimas - tudo quase pronto para ser usado. Só depende da imaginação, da criatividade e, claro, da pontaria do estilista.

O inventor do spray de roupas é um espanhol, doutor em moda pelo Imperial College de Londres. Manel Torres leva apenas 15 minutos para vestir uma pessoa da cabeça aos pés. E o mais impressionante: o que parece uma pintura vira tecido. Pode ser lavado e usado novamente, várias e várias vezes.

A ideia é permitir que cada pessoa faça sua própria roupa. A partir desse conceito, em vez de calças, camisas, camisetas, vestidos pendurados em cabides, haveria dentro do armário apenas latinhas. Na hora de se vestir é só escolher as cores e criar um estilo sobre o próprio corpo ou usando um manequim.

O segredo industrial, obviamente, Manel não revela de jeito nenhum, mas por alto ele explica que o spray é composto de fibras de lã, algodão ou seda. Essa matéria prima pode ser natural ou sintética. Tudo é bem triturado e misturado com solvente de tinta. Fora da lata, em contato com o corpo de uma pessoa ou sobre um molde qualquer, o produto seca rapidamente. Fica resistente e maleável.

Manel e o sócio dele, Paul Luckham - engenheiro químico e professor do Imperial College -calculam que as latinhas deverão chegar ao mercado, a partir do ano que vem, custando o equivalente a R$ 17. Eles revelaram ainda que essa invenção pode ajudar também no tratamento de machucados, feridas e outros problemas de pele.

“Se misturarmos remédio, como por exemplo antibiótico ou analgésico com as fibras, teremos um poderoso curativo. A ideia é que o produto seja aplicado diretamente sobre a ferida, como uma atadura instantânea”, explica Manel.

Mas o que Manel gosta mesmo é de moda. Recentemente ele promoveu em Londres o primeiro desfile de vestidos feitos com spray de tecido. O resultado foi um arraso.
MATÉRIA RETIRADA DE:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Notícias