terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Tendência Verão 2011- Guarda Sol ou Chuva ?

A tendência nesse calor de 40 graus é a volta do guarda-sol, andando nas ruas do Rio de Janeiro podemos notar que charmosas peças são utilizadas pra de proteger do sol.
Não despensando o filtro solar e estando atento pra todas as alterações no clima, o guarda-sol, do tamanho do guarda-chuva é utilizado para auxiliar esse esquema de proteção solar.
Sem contar que tantas alterações climática, decorrente do desequilibrio que o ser humano faz na natureza, o guarda-sol, vira guarda chuva a depender da situação.


Essa peça faz parte de cerca de 30% de brindes das companhas, pra funcionários clientes e colaboradores.E o percentual restante acaba sendo destinado ao pedidos de grifes do mundo da moda como Osklen, Salinas e Blue Man.
O grande concorrente dessa indústria brasileira de guarda-chuva e afins é a indústria chinesa, com isso a indústria resolveu assumir todas as etapas da fabricação.Passou a ser o local de trabalho de costureiras, designers e outros profissionais envolvidos na confecção das estampas usadas.
Apostando num produto resistente e, por consequência mais caro, aos poucos conquistarem um nicho do mercado.

Fonte de pesquisa: Jornal O Globo

domingo, 17 de outubro de 2010

Roupa na Lata

Espanhol cria spray que vira tecido em 15 minutos


A ideia é permitir que cada pessoa faça sua própria roupa. A partir desse conceito, em vez de calças, camisas, camisetas, vestidos pendurados em cabides, haveria dentro do armário apenas latinhas.

Roupa em spray - a novidade está mexendo com o mundo fashion. Dentro de uma latinha tem um guarda-roupa inteiro. Vestidos, blusas, roupas íntimas - tudo quase pronto para ser usado. Só depende da imaginação, da criatividade e, claro, da pontaria do estilista.

O inventor do spray de roupas é um espanhol, doutor em moda pelo Imperial College de Londres. Manel Torres leva apenas 15 minutos para vestir uma pessoa da cabeça aos pés. E o mais impressionante: o que parece uma pintura vira tecido. Pode ser lavado e usado novamente, várias e várias vezes.

A ideia é permitir que cada pessoa faça sua própria roupa. A partir desse conceito, em vez de calças, camisas, camisetas, vestidos pendurados em cabides, haveria dentro do armário apenas latinhas. Na hora de se vestir é só escolher as cores e criar um estilo sobre o próprio corpo ou usando um manequim.

O segredo industrial, obviamente, Manel não revela de jeito nenhum, mas por alto ele explica que o spray é composto de fibras de lã, algodão ou seda. Essa matéria prima pode ser natural ou sintética. Tudo é bem triturado e misturado com solvente de tinta. Fora da lata, em contato com o corpo de uma pessoa ou sobre um molde qualquer, o produto seca rapidamente. Fica resistente e maleável.

Manel e o sócio dele, Paul Luckham - engenheiro químico e professor do Imperial College -calculam que as latinhas deverão chegar ao mercado, a partir do ano que vem, custando o equivalente a R$ 17. Eles revelaram ainda que essa invenção pode ajudar também no tratamento de machucados, feridas e outros problemas de pele.

“Se misturarmos remédio, como por exemplo antibiótico ou analgésico com as fibras, teremos um poderoso curativo. A ideia é que o produto seja aplicado diretamente sobre a ferida, como uma atadura instantânea”, explica Manel.

Mas o que Manel gosta mesmo é de moda. Recentemente ele promoveu em Londres o primeiro desfile de vestidos feitos com spray de tecido. O resultado foi um arraso.
MATÉRIA RETIRADA DE:

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Joias a partir de tampas de latinhas recicladas





As latas viraram joias nas mãos de Yoav Kotik
A criatividade não para quando o assunto é reciclar objetos. O designer israelita Yoav Kotik, por exemplo, confecciona jóias com tampas e latas reutilizadas. São latinhas de refrigerantes e cervejas que desviam o caminho do lixo e vão enfeitar os braços e pescoços de mulheres do mundo todo.
“Nós coletamos as latinhas de metal de todos os lugares”, diz Kotik em seu 
site oficial. “É preciso carinho, cuidado e delicadeza para moldar e criar peças únicas”, completa o designer que já apresentou suas joias não só em Israel, mas também no Reino Unido, Holanda e Japão.

kotik-2.jpg
Tampinhas de refrigerante viraram um colar
O nome da linha de acessórios não veio à toa: Precious Metal, ou “metal precioso” pode ser associado a como Kotik vê sua matéria prima. Para ele as peças são como voltar à infância, pelo colorido e inovação do material. “O trabalho no metal revela o vasto potencial, mostrando camadas e expondo emoções", acredita o artista.
Os acessórios, que podem ser comprados através da 
loja virtual, também são como peças de arte que brincam com a imaginação e com questões que despertam o lado sustentável da moda.


As peças podem ser compradas pelo site do artista






reprodução:site eco desenvolvimento

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Infatilis

Chegando mês das crianças tempo de deixar seu lado infantil tomar conta, será?


Veja essas opções:

Tênis Nike  Super Mario e Sonic

Vestido Jogo Febre dos anos 80, Tetris

bjOkas






quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Que tipo de corpo é o seu?

A escolha da roupa depende muito do seu tipo de corpo.
E qual parte do corpo quer esconder ou valorizar.

Confira o  vocabulário, irei utilizar para possíveis consultorias.





bjokas

Jamille

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Marquinha do Biquini

Verão chegando e as idéias vão surgindo.
Esta marca de biquinis criou uma nova forma de se estampar a famosa marquinha do biquini, com formato de coração.
Confira! 






sábado, 3 de julho de 2010

Que Jabulani que nada, a bola da vez é o relógio duplo

De olho no lance!

Alek Wek


Supermodelo sudanesa Alek Wek capa da  Arise Magazine (edição 10), na sua edição especial Copa do Mundo. No meio de toda a agitação em torno do futebol, moda ainda acha que tem que redefinir o modo, as características da capa Alek de forma despojada, mas de alta pose .De maiô preto, e homenageando a World Cup segurando a  Jabulani, de fato  o que se destaca é que ela tem dois relógios !
 Além disso, outro destaque nesta edição é da revista Nigéria Oluchi Orlandi, mostrado na foto abaixo, a camisa oficial de futebol da Nigéria com alguns shorts jeans e o conceito de "relógio duplo ' sendo repetido.
.
Oluchi
Absolutamente amando esta edição da revista ..

sexta-feira, 25 de junho de 2010

EMBALAGEM QUE ARMAZENA LEITE E GUARDA DINHEIRO

Carteira feita de embalagens tetra pak é opção descolada para quem busca uma atitude sustentável.



Faça  já a sua!
BeijOkitas


Design vem de Berço




Rafael Bastos é um designer gráfico que resolveu lançar uma linha de camisetas. Até aí, tudo mais normal impossível. Segundos dados do IBGE, todos os dias milhões de designers gráficos acordam com essa mesma ideia. Milhares de fato seguem adiante e imprimem as camisetas. Centenas encalham e viram um arsenal infinito de pijamas.
Para não dar esse trágico destino à suas camisetas, Rafael escalou sua bisavó nada usual para posar como modelo. O nome da marca, claro, é Vó Maria:


 



fonte: materia retirada da OI Moda
Bjokitas 

camiseta

Rafael Bastos é um designer gráfico que resolveu lançar uma linha de camisetas. Até aí, tudo mais normal impossível. Segundos dados do IBGE, todos os dias milhões de designers gráficos acordam com essa mesma ideia. Milhares de fato seguem adiante e imprimem as camisetas. Centenas encalham e viram um arsenal infinito de pijamas.
Para não dar esse trágico destino à suas camisetas, Rafael escalou sua bisavó nada usual para posar como modelo. O nome da marca, claro, é Vó Maria:

 

Bisavó e bisneto fazem linha de camisetas | News | Oi Moda


fonte: materia retirada da OI Moda
Bjokitas 

domingo, 13 de junho de 2010

A Copa da Moda é Nossa

Em ano de Copa do Mundo, vale a pena ser original e utilizar camisas retrô, da Seleção brasileira.
Encontrei no site 
http://www.saudosistas.com.br/, essas camisas, e também de clubes nacionais e internacionais.
Quando se assiste os jogos, cansa ver as marcas dos patrocionadores em todo o uniforme, em cada centímetro.Sei que é importante esse investimento pra a própria vida dos mesmos.Mas tem uns que exageram.

Os uniformes mais bonitos são os da ADIDAS e Puma! Eles "respeitam" mais a padronagem da pátria.

Vista a sua a camisa,confira o site.
bjOkas
Jamille

sábado, 12 de junho de 2010

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Maquiagem

Tem peles que precisam de cuidados especiais como hidratação.
Isso é muito importante para uma pele saudável.
Para finalizar uma maquiagem adequada.
Confira o video do Maquiador Fernando Torquatto

MODELOS DA CAPA






Revista Vogue
















































A capa histórica: Beverly Johnson em 1974
A discussão sobre cota racial nas passarelas e 
no mundo da moda em geral é assunto polêmico
 - ainda - desde janeiro. E antes da “Vogue” Itália
 só com negras, o já famoso Black Issue de 2008
que é um dos marcos dessa história, houve uma
 modelo que marcou época por ser a primeira negra
 a aparecer na capa da “Vogue” América. Em 1974, 
Beverly Johnson mostrava a cara e a cor aos seus 
21 anos em uma edição chamada “American-look issue”.






























As outras: Donyale na UK e Naomi na Paris

Apesar das revistas europeias mais vanguardistas já 
contarem com negras na capa, a “Vogue”dos EUA, 
que sempre foi bem mainstream, foi a primeira desse 
tipo a se “arriscar”. O resultado foi eletrizante e  
alavancou a carreira de Beverly. Nas outras publicações 
“Vogue” ao redor do mundo,Donyale Luna foi a
 primeiríssima negra em uma capa, em março
 de 1966, na edição inglesa - aliás, a foto não mostra



 o rosto dela inteiro!


E a modernosa “Vogue” Paris? Pois é: ela só foi escolher



 uma negra como cover girl em 1988 (!), e ainda
 assim com um empurrãozinho de Yves Saint Laurent
que pediu pra que isso acontecesse. A musa em questão



 era Naomi Campbell.






























Voltando a Beverly: hoje ela faz parte do júri de
 um programa chamado “She’s Got The Look“, 
espécie de “America’s Next Top Model“. Também 
possui linhas de beleza licenciadas: The Beverly
 Johnson Skin Care System e The Beverly Johnson 
Hair Collection. E dá uma olhada na foto acima… 
continua linda!
Um ano depois dessa edição da “Vogue” de 1974, 
Diana Ross apareceria nas telonas interpretando
 uma modelo no filme “Mahogany“. Surgiriam muitas o
utras tops-celebridades: Pat Cleveland, Alek Wek, 
Chanel Iman… Mas Beverly não acredita que o 
preconceito no mundo fashion acabou: “Continuam 
a tentar nos excluir. Não percebem que estão fazendo isso. 
É tão arraigado”.
Apêndice pros curiosos: Donyale Luna, a primeirona 
de todas, morreu em 1979. Antes disso, foi musa de
 Andy Warhol, teve contrato de exclusividade por 
um ano com o superfotógrafo Richard Avedon
participou de um filme de Federico Fellini (”Satyricon“), 
deu entrevista declarando-se fã deLSD… Assunto pra outro post! 


































Donyale Luna em clique de Charlotte March, de 1966

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Black Power_Fashion Rio 2010 Walter Rodrigues

Poucos estilistas conseguem capitar a áurea do continente Africano.
Na sua beleza e riqueza.
O estilista Walter Rodrigues traz isso na sua coleção.Sem cair no universo comum de utilizar estampas de animais selvagens e retratar uma África triste e pobre, ele inova com a utlização das cores mais suaves contudo perder o colorido característico.A.do.rei a idéia dos guarda-chuvas multicolor.
Confira!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Notícias